Dia 01 (22/12/14) – Pelotas/RS/Brasil –> Santiago/RS/Brasil

Hoje estamos dando início a nossa viagem de carro até a Bolívia e Peru, passando pela Argentina, Chile e Uruguai. Assim como a viagem até a Ushuaia, esta faz parte de um grande sonho que temos já há bastante tempo e que estamos tendo oportunidade de realizar agora.

Para a realização desta viagem o planejamento foi mais complexo pois, como prioridade, tivemos que levar em consideração a duração de cada deslocamento e não a distância.  Como boa parte dos trechos dentro da Bolívia são acima dos 3000m de altitude e alguns percursos atravessam serras e a Cordilheira dos Andes, não se pode levar em consideração apenas as distâncias ao montar o roteiro. Outra dificuldade é que na internet existem poucas informações sobre as condições das estradas na Bolívia e Peru.

Portanto dessa vez tínhamos grandes desafios: criar um roteiro que permitisse uma boa aclimatação a altitude, descobrir toda a documentação necessária, contratar os seguros necessários para o carro e descobrir qual a melhor rota, evitando assim estradas ruins.

DCIM100GOPRO

Em relação a altitude, criamos um plano de aclimatação que permitisse irmos aumentando a altitude aos poucos, pois estávamos preocupados com a adaptação das crianças. O Felipe está agora com 4 anos e a Isabela com 1 ano e 3 meses. Nosso plano de aclimatação ficou assim:

Dia 3: Maimará/ARG – altitude: 2390m

Dia 4: Humahuaca/ARG – altitude: 3012m

Dia 5: Villazón/BOL – altitude: 3407m

Dia 6: Potosí/BOL – altitude: 3967m

Dia 7: La Paz/BOL – altitude: 3640m

Quanto as crianças, o Felipe vai para a sua quarta viagem de carro e está super entusiasmado, pois envolvemos ele durante todo o planejamento, falando sobre os lugares que iremos visitar e, em geral, sobre tudo relacionado a viagem.

A Isabela vai para a sua segunda viagem. Ela tem uma personalidade super tranquila e já esta adaptada as aventuras da família. Acreditamos que novamente ela vá se comportar bem durante a viagem.  Como ela está completando 1 ano e 3 meses, trocamos o bebê conforto por uma cadeira automotiva. Escolhemos a Burigotto Múltipla que vai de 9 a 36Kg. A princípio ela iria ficar com a cadeira do Felipe, que é  a Burigotto Neo Matrix que vai de zero a 25Kg. Mas, optamos por deixar a Isabela na Múltipla para futuramente fazer a troca das cadeiras conforme a necessidade, já que a Múltipla é própria para crianças maiores.

DCIM100GOPRO

Depois de muito pesquisar e consultar diversas seguradoras e corretores de seguro, não conseguimos realizar a extensão de perímetro para a Bolívia e Peru.  Desta forma, fizemos a extensão de perímetro somente para o Chile por meio da seguradora Mapfre. A carta verde foi feita pela HDI, que além de cobrir os países do Mercosul, possui cobertura também para o Chile. Durante a viagem, quando chegarmos aos respectivos países, faremos o SOAT para o Peru e Bolívia que é o seguro contra danos corporais à terceiros.

Em função desta indisponibilidade da cobertura do seguro do carro em todos os países, optamos por viajar novamente com o nosso Prisma Maxx 1.4 2007. Ele está mais rodado (146 mil km), mas sempre realizamos uma ótima manutenção, além de ter passado por uma revisão e troca de peças antes da viagem.

No final de semana, antes da viagem, as crianças apresentaram febre na sexta-feira e no sábado. Estavam apenas com febre e não apresentaram nenhum outro sintoma. No entanto, ficamos em alerta sobre a possibilidade de termos que adiar a viagem por alguns dias. Embora com febre, elas estavam bem. Desta forma, fomos terminando de organizar as coisas para a nossa aventura. No domingo a febre cedeu e, como nenhum outro sintoma havia se manifestado e elas estavam super bem, fizemos os preparativos finais. Deste modo, decidimos partir na segunda-feira conforme o planejamento inicial.  Essa febre misteriosa deve ter sido algum tipo de tensão pré-viagem :).

Pretendíamos sair no meio da manhã, mas não conseguimos em função de ter que deixar toda a casa em ordem, carregar o carro, organizar os últimos  detalhes e arrumar as crianças. Bom, quem tem crianças pequenas sabe que em quase toda saída, a embromação está presente. No entanto, não estávamos muito preocupados com o atraso, uma vez que  neste primeiro dia planejamos uma quilometragem baixa, já prevendo os costumeiros atrasos da saída.  Desta forma saímos de casa já no início da tarde, em torno das 13h.

O nosso destino neste primeiro dia de viagem foi Santiago/RS. Nosso percurso foi: Pelotas->(BR392)->Canguçu->Santa Maria->(BR287)->São Pedro do Sul->Palma->Jaguari->Santiago. Percorremos 465km neste dia.

DCIM100GOPRO

Um pouco antes de chegar a Santa Maria, cerca de 20km, o asfalto esta um pouco danificado apresentando algumas imperfeições e buracos.

Em função dos temporais que atingiram o RS e de uma frente fria, o tempo está bem fresquinho e agradável para viajar. O dia estava lindo e ensolarado, sendo um incentivo a mais para uma boa viagem de carro.

A viagem até Santiago transcorreu tranquilamente. Paramos algumas vezes para fazer lanches, ir ao banheiro, esticar as pernas e tirar algumas fotos.

DCIM100GOPRO

DCIM100GOPRO

Fizemos também uma breve parada  na entrada da cidade de Mata/RS, que é uma região de estudos paleontológicos. Por este motivo há uma estátua de dinossauro no seu pórtico.  Desviamos um pouquinho de nosso roteiro original (cerca de 10km) para mostrar o dinossauro para o Felipe e tirar algumas fotos. No entanto, não ficamos mais do que 10 minutos, pois não queríamos  atrasar muito a viagem. Nós já havíamos realizado uma breve visita a esta cidade em outra viagem. Mata é conhecida como “a cidade de pedra que foi madeira”.  Desta forma, há várias esculturas petrificadas.  Veja a nossa visita anterior a essa cidade clicando aqui.

DSC_8378

No pórtico da cidade de Mata/RS

DSC_8380

No pórtico da cidade de Mata/RS

No pórtico da cidade de Mata/RS

No pórtico da cidade de Mata/RS

Chegando a Santiago fomos direto para o Hotel Palace São João, o qual já tínhamos reservado previamente. Este hotel é da Rede Versare e do Grupo Batista.  O hotel é muito confortável, possui estacionamento, wi-fi, um farto café da manhã, ar condicionado e TV LCD. Além disso, há um extremo cuidado com a limpeza do local e o atendimento é muito cordial por parte de todos os seus funcionários. Para as crianças há um pracinha na área externa do hotel. Veja um review sobre o hotel clicando aqui.

Após nos acomodarmos no hotel saímos para jantar.  Comemos na lancheria do Grupo Batista, que fica localizada ao lado do hotel. Além de lanches rápidos, eles servem buffet no almoço e jantar. No mesmo local há uma churrascaria e posto de combustíveis, também do Grupo Batista.

Após o jantar retornamos ao hotel para descansar.

 

Procurando onde se hospedar em Santiago/RS? Clique no logo abaixo e efetue a sua reserva!

 

 

Tem interesse em efetuar uma reserva? Antes de reservar a sua hospedagem utilize os links do Booking do nosso blog ou fanpage e colabore conosco! Não há nenhum acréscimo de valor e nós ganhamos uma pequena comissão por cada reserva efetuada que irá auxiliar na manutenção do nosso blog.

 

Encontre o Viajando de Carro nas redes sociais.

Curta a Fanpage do Viajando de Carro no Facebook e acompanhe as notícias sobre todas as viagens que realizamos de carro.

Nos siga no Instagram @blogviajandodecarro e curta as fotografias que tiramos durante as nossas viagens.

Veja as nossas fotografias no Flickr.

Nos acompanhe no Twiter: @viajedecarro.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *