Ferry Buquebus – Travessia de carro do Rio da Prata

Ferry Buquebus

Ferry Buquebus

O Buquebus é um ferry-boat (balsa) que transporta pessoas e carros e faz a travessia do Rio de La Plata (Rio da Prata), interligando as cidades de Colonia del Sacramento (Uruguai) ou Montevidéo (Uruguai) a Buenos Aires (Argentina). O trajeto é feito por 2 tipos de barcos.

A partir de Colônia do Sacramento (distância de 50Km) o barco grande leva 3 horas e custa mais barato. O pequeno custa mais caro (R$522,00 pela travessia do carro, 2 adultos e 1 bebê, em janeiro de 2012) e leva 1 hora.

Localização do Buquebus:

  • Buenos Aires/Argentina (Puerto Madero): GPS Lat 34°35’51.75″S – Long 58°22’5.27″O
  • Colonia del Sacramento (Porto de Colonia): GPS Lat  34°28’31.72″S –  Long 57°50’33.70″O

Existem diversos horários de travessia e a passagem pode ser comprada pela internet (http://www.buquebus.com/), pagando com cartão de crédito internacional. Comprando as passagens diretamente no porto pode-se pagar em dinheiro (pesos argentinos e uruguaios ou dólares) ou cartão de crédito.

Em Buenos Aires, você pode entrar com seu carro no porto e estacionar na fila de acesso ao barco enquanto compra as passagens.

Em Colonia, o Buquebus fica no fim da Ruta 1 (Av. Roosevelt F. D.), no Porto de Colonia. Você pode deixar o carro no estacionamento do porto para comprar as passagens. Depois deve seguir com o carro até a fila para a entrada no barco.

Passo a passo: procedimento para fazer a travessia de pessoas e carros no Buquebus:

  1. Chegue com 1h de antecedência, dando tempo para fazer toda a burocracia necessária de imigração;
  2. Parar o carro no estacionamento e se dirigir à loja do Buquebus;
  3. Comprar e pagar as passagens (pessoas e carro);
    Obs.: você também poderá comprar as passagens antecipadamente pela internet;
  4. Fazer o checkin (confirmar que fará a travessia) no balcão específico para isto;
  5. Fazer a imigração dos passageiros (apresentar RG ou passaporte) e apresentação da documentação do carro (CRLV – Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo). Neste procedimento todos os passageiros deverão estar presentes no balcão da polícia internacional. Na imigração eles fazem o registro de entrada e saída no Uruguai e Argentina, recolhendo o cartão de saída do país de origem e entregando o cartão de entrada no país de destino;
    Obs.: caso o carro não estiver no seu nome será necessário apresentar a “Autorização para tráfego de veículo fora do território nacional“;
  6. Os passageiros deverão entrar no ferry e o motorista deverá buscar sozinho o carro. Os bancos da cabine de passageiros do barco não são numerados, portanto as pessoas podem sentar onde quiserem;
  7. O motorista deverá conduzir o carro até o ferry;
  8. O carro é revistado quanto ao transporte de mercadorias ilegais antes de entrar no ferry e toda a documentação do veículo e do motorista poderá ser solicitada novamente;
  9. Entrar com o carro no ferry;
    Obs.: deixe o carro estacionado dentro do barco em 1ª marcha e com o freio de estacionamento acionado;
  10. O motorista deverá se dirigir à cabine de passageiros.
    Obs: ninguém poderá ficar no carro ou na área de transporte de veículos do ferry.

O interior do Buquebus é bem agradável: possui uma ótima estrutura, com banheiros, poltronas confortáveis (mesmo na classe econômica) e mesas. Os carros ficam na parte inferior do barco. Nos andares superiores estão as poltronas dos passageiros, um bar e um free shop. O barco grande possui 4 andares, sendo que no último é possível acessar a parte exterior do navio. O barco Juan Patricio possui acesso  a internet sem fio (wifi) grátis (travessia Montevidéu/Buenos Aires).

Existem duas classes de passagens, sendo a mais barata chamada de turista. A classe mais cara (primera) possui algumas poltronas e mesas um pouco mais confortáveis, além de um outro bar próprio. A diferença de conforto não nos pareceu ser significativa.

Ferry Buquebus

Ferry Buquebus

Interior do Buquebus (poltronas)

Interior do Buquebus (poltronas)

Interior do Buquebus (poltronas e free shop)

Interior do Buquebus (poltronas e free shop)

Interior do Buquebus (automóveis)

Interior do Buquebus (automóveis)

Caso você queira fazer a travessia sem o carro, é possível deixá-lo no estacionamento do Buquebus em Colonia del Sacramento ou Buenos Aires.  Obviamente isto será cobrado. Veja os preços e mais informações clicando aqui.

Sem o carro, você também poderá optar por outras empresas com menor custo que fazem a travessia somente de pessoas entre Buenos Aires<->Colonia e Buenos Aires<->Montevidéu:

  • Colonia Express: para acessar a lista de preços clique aqui;
    Obs.: aceita cartão de crédito e vende passagens pela internet.
  • Seacat Colônia (Ferrylineas): clique nos links para preços no Uruguai e Argentina;
    Obs.: não vende passagens pela internet. A Ferrylineas foi comprada pela Seacat.

Comentários:

  • Viajando de carro pelo Brasil, Uruguai, Argentina e Chile – Junho de 2009
    Em nossa viagem em junho/2009 atravessamos pelo Buquebus o Rio de la Plata entre Colonia del Sacramento e Buenos Aires na ida e na volta. Para maiores detalhes sobre as travessias consulte nosso diário de viagem:
    * 1º Dia – 08/06/2009 (Pelotas -> Chuy -> Montevidéu -> Colônia del Sacramento -> Buenos Aires)
    * 20º Dia – 27/06/2009 (Bahia Blanca/Argentina –> Colônia del Sacramento/Uruguai)
    Na ida pagamos pelo carro mais 2 pessoas US$ 120,00 (R$ 240,00) pelo barco grande e lento (3h) na classe turista (econômica).

    Na volta pagamos pelo carro mais 2 pessoas $566,00 (R$296,00) pelo barco pequeno e rápido (1h) na classe turista (econômica).
    Para preços atualizados consulte o site do Buquebus.
  • Viajando de carro pelo Brasil, Uruguai, Argentina e Chile – Janeiro de 2012
    Nesta viagem o preço da travessia do Buquebus estava muito mais caro. Pagamos em torno de R$522,00 por cada travessia (carro, 2 adultos e um bebê). Nosso bebê estava com 1 ano e mesmo assim pagou a passagem.
58°22’5.27″O

130 respostas a Ferry Buquebus – Travessia de carro do Rio da Prata

  1. Maicol disse:

    Aproveito para perguntar: ao atravessar com carro próprio no Buquebus, posso manter toda a bagagem no carro? Ela é revistada antes ou depois do embarque?

  2. Maicol disse:

    Olá!

    Não sei se deram esta dica aqui, mas peguei em outro site e vale repassar.
    A Buquebus é uma empresa argentina, porém se for comprar online, acessando pelo site uruguaio (https://www.buquebus.com.uy) o custo total das passagens fica mais barato. Pude comprovar. Não lembro exatamente dos valores, mas no meu caso (Carro + 5 pessoas) ficou em quase 200 reais, comprado semana passada no cartão de crédito. Ficou em USD 224,55 (~R$ 740,00).

  3. Mirela Guarreschi disse:

    Olá! Pretendo ir de SP a Buenos Aires em julho/2007, de carro. Eu, meu marido e nosso cachorro, um dogo argentino fêmea, já de idade; ficaremos por 3 meses em Buenos Aires; pois temos uma filha que mora lá. Alguém poderia me responder se é permitido levar um cachorro no Buquebus?? Já verifiquei que, como vou sair com um animal do país, ele precisa de toda uma documentação específica, que já está sendo providenciada. Mas estou com medo desse transporte fluvial, por ser uma balsa, e o cachorro ser grande, dar algum problema.
    Alguém pode me informar?

  4. Barbara Hausmann disse:

    Uma dúvida, pretendo ir de Montevidéu para Buenos Aires e gostaria de saber se posso fazer essa travessia com vinhos na mala ou se tem alguma restrição?
    Grata

  5. Bárbara disse:

    Gostaria de entender melhor, no caso irei com meu marido e estaremos de carro alugado pois iremos sair de Colonia para Buenos Aires mas iremos estar de carros pois antes vamos vim de Punta e Montevideo, e não achamos viavel pagar diária deixar o carro parado e ainda pagar estacionamento e taxi em Buenos Aires, mas não entendi, tenho que comprar passagem para os dois e mais para o carro ? e carro alugado pode atravessar?

  6. Paulo Temotio disse:

    Se alguém quiser retirar dúvidas …fiz o roteiro seguinte:
    Foz do Iguaçu/Ciudad del Este…Assuncion PY…Filadélfia PY…Mayor Infante Rivarola PY…Assuncion(novamente”Não pude entrar na Bol por não possuir seguro”)…Clorinda ARG…Formosa ARG…Las Lomitas ARG…San Salvador de Jujuy ARG…Purmamarca ARG…Paso de Jama…San Pedro de Atacama CH…Socaire CH…Paso Sico…San A.de Los Cobres ARG…Salta ARG…Taco Pozo ARG…Corrientes ARG…Posadas ARG…Dionizio Cerqueira BR…Jaraguá do Sul…
    Podem solicitar na página: unaodiseasudamericana/facebook
    Um abraço…

  7. Eunice disse:

    Olá Alexandre e Rosangela

    estou explorando o blog de vcs exaustivamente, gostei muito, bem organizado e prático, parabéns
    eu e meu filho estamos planejando uma viagem de aproximadamente 30 dias, saindo se São Paulo, passando pelas serras catarinenses onde temos amigos, depois passando por Montevidéo, atravessando para Buenos Aires por Colonia e depois seguirmos até Mendoza, uma passadinha em Vina del Mar, voltar a Mendoza, daí Foz do Iguaçu e São Paulo.
    As informações tem me ajudado bastante, mas tenho duvida sobre a ”autorização para tráfego de veículos…”, uma vez que o carro é do meu marido e ele não irá, gostaria de saber melhor sobre os termos desta autorização.
    Se puder me dar um retorno agradeço. Penso que ainda terei mais algumas questões. Ontem (16/3) quando vi que o blog estava fora do ar quase entrei em panico kkkkk

    um abraço

    • Rosângela Souza disse:

      Olá Eunice!
      É verdade, o blog ficou fora do ar alguns dias atrás. Mas, que bom que de uma forma geral está sendo útil para a sua viagem. Temos uma seção falando sobre a documentação necessária nesse link http://viajandodecarro.com.br/como-planejar-sua-viagem/documentacao/ Consulte o item Autorização para tráfego de veículo fora do território nacional. Você já leu? Se sim, qual a sua duvida especificamente?

      Um grande abraço,
      Rosângela, Alexandre, Felipe e Isabela.

      • Eunice disse:

        Olá Rosângela.
        Minhas dúvidas já estão esclarecidas, obrigada. Mais uma vez parabéns pelo blog, me ajudou muito e tb me encorajou a fazer a viagem. Depois que retornamos conto como foi.
        Um abraço
        Eunice

  8. Daise Mazuco disse:

    Boa tarde amigos

    Gostaria de saber se os estacionamentos são seguros em colonia del sacramento?
    Para deixar uns 6 dias!

    Obrigado

  9. wellington torres disse:

    Boa Noite amigos,

    Gostaria de saber se voces tem informações sobre o funcionamento em dezembro do Ferry Buquebus. Estou pretendendo iniciar uma viagem em 19/12 e estarei em Montevidéu para passar o Natal e pretendia sair de lá dia 25 ou 26 indo para Buenos Aires. Será que nestes dias o Ferry não funcionará?? No site não há valores para estes dias e também nenhuma informação se haverá ou não operação. No link contatos nao abre a pagina para realizar perguntas..Podem me ajudar??

    Grande Abraço

  10. Bárbara Freitas disse:

    Olá!

    Entrei no site do Buquebus pra fazer a reserva para ir para Colonia del Sacramento e achei o valor bem alto. É aquilo mesmo? 2000 pesos uruguaios por pessoa? Vou fazer um bate volta de Buenos Aireis

  11. Adriana disse:

    Olá! vou para Buenos Aires em outubro/2015 e gostaria de saber qual a empresa e valores atualizados se alguém souber de travessia para Uruguai se possível direto para Montevidéu e não indo por Colonia del Sacramento.

    • Alexandre Souza disse:

      Olá Adriana
      No próprio site do Buquebus você obtém o valor da travessia. Basta colocar a data e o número de pessoas.
      Um abraço
      Alexandre, Rosângela, Felipe e Isabela

  12. Carlos disse:

    Olá quero fazer o trajeto de colônia a
    Buenos Aires, só que de moto quanto vou pagar? E e uma viajem tranqüila?
    Att
    Carlos Vega
    Carlosrfvega@hotmail.com

    • Alexandre Souza disse:

      Olá Carlos
      A viagem é bem tranquila sim. Você pode consultar o preço diretamente no site do Buquebus.
      Um abraço
      Alexandre, Rosângela, Felipe e Isabela

  13. Eliana disse:

    Olá, Matheus!
    Só acho uma pena ficares tão pouco em Buenos Aires! É uma cidade tão linda e com tantas coisas para ver e fazer… Pra quem vai com crianças é imperdível o museu interativo das profissões, o “Museu de Los Ninos “. Abs.

  14. Rosangela disse:

    Olá Pessoal!! gostaria de uma informação, estou com viajem programada a Colônia de Sacramento e depois fazer travessia a Buenos Aires, minha dúvida seria a seguinte, é seguro deixar o carro uns 2 dias em colônia? estou achando esta travessia um pouco complicada com o carro. Se puderem me ajudar agradeço. Abraços.. Obrigado

    • Diogo Soares disse:

      Pessoal, estou com a mesma duvida da Rosangela:

      Quero ir a Buenos Aires e to com receio de deixar o carro 2 ou 3 dias em Colonia. É seguro? Quem me poderia me informar os valores?
      Obrigado,
      Diogo Soares.’.

    • FABRICIO PADILHA BARCELLOS disse:

      Rosângela, a Buquebus tem um estacionamento no porto de Colônia. Deixei o carro 3 dias neste estacionamento pago por R$ 10,00 ao dia, e tem vigilante. É melhor fazer assim, pois o trânsito de Buenos Aires é bem complicado para quem não conhece a cidade.

  15. Matheus disse:

    Olá pessoal…. obrigado pelas informações. qual rota vc me aconselha partindo de santa fé (argentina) sentindo foz do iguaçu?
    Obrigado! Matheus

  16. liliancury@hotmail.com disse:

    Olá, Daniel!
    Vamos chegar em Buenos Aires EZE e ir direto para o Uruguai (eu, marido, filho de 6 anos). Vamos alugar carro para circular no Uruguai (Sacramento-Montevidéu-Punta), minha dúvida é se vale a pena alugar na Argentina ou no Uruguai. Além do preço da passagem do carro no buquebus, minha real preocupação são as malas… Vi q eles despacham 20kg por adulto, ok, mas chegando no Uruguai já tem um local pra alugar carro? Pq acho complicado ficar “zanzando” com malas e criança… O que vc acha?
    Agradeço por compartilhar sua experiência e opiniões.
    Abraços, Lilian.

    • arrsouza disse:

      Olá Lilian
      Sem dúvidas vale a pena alugar o carro diretamente no Uruguai. Tente fazer a reserva diretamente pela internet. Cada travessia do carro +2 pessoas no Buquebus custa em torno de R$500. Além disso vocês teriam que retornar a Buenos Aires para devolver o carro.
      Um abraço
      Alexandre, Rosângela, Felipe e Isabela

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *