Documentação e itens obrigatórios

Seguro Carta Verde – Seguro obrigatório para veículos que circulem no Mercosul

O que é o seguro Carta Verde

É o seguro obrigatório (Res. Nº 120/94 do Mercosul) para automóveis quando em viagem pelos países do Mercosul (Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai). É muito alta a probabilidade de ter problemas com a polícia se sair de carro do Brasil sem contratá-lo.

Este seguro cobre apenas as despesas dos terceiros no acidente, ou seja, se você bater com seu carro, o seguro Carta Verde irá indenizar somente o proprietário do carro que você bateu. Seu carro não estará coberto pelo mesmo. A cobertura desse seguro inclui morte e/ou danos pessoais, despesas médico hospitalares e danos materiais causados a terceiros não transportados pelo veículo que originou o acidente, honorários do advogado de defesa do segurado e custas processuais decorrentes de ações cíveis.

* Observação: os estados parte do Mercosul são apenas Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai. Portanto quando seu seguro falar em cobertura no Mercosul, somente estão sendo considerado esses 4 países. A Venezuela aderiu ao Bloco em 2012, mas está suspensa, desde dezembro de 2016, por descumprimento de seu Protocolo de Adesão e, desde agosto de 2017, por violação da Cláusula Democrática do Bloco. Todos os demais países sul-americanos estão vinculados ao MERCOSUL apenas como Estados Associados. A Bolívia, por sua vez, tem o “status” de Estado Associado em processo de adesão.

Quem deve contratar

A contratação desse seguro é obrigatório para qualquer veículo que ingresse em países do Mercosul. Mesmo para nós brasileiros, que integramos o Mercosul, temos que comprar este seguro quando vamos para Argentina, Paraguai e Uruguai.

Você terá que contratar a Carta Verde mesmo que o seguro convencional de seu carro possua cobertura para os países do Mercosul. Quando esta cobertura existe, no caso de um acidente fora do Brasil, ela se limita somente aos danos ocasionados ao seu veículo. Os danos causados a terceiros (materiais e corporais) serão cobertos pela Carta Verde.

Algumas seguradoras já incluem a Carta Verde durante toda a vigência do seguro convencional do carro. No entanto, durante as viagens pelo Mercosul é necessário portar um documento específico que mostre claramente os dados da Carta Verde e as datas de sua vigência.

É recomendável contratar algum tempo a mais deste seguro e da extensão de perímetro, pois pode ocorrer algum imprevisto e a viagem demorar alguns dias a mais do que o planejado.

Onde comprar o seguro

Algumas seguradoras que oferecem Carta Verde no Brasil: Mapfre, Allianz, Bradesco, HDI Seguros, HSBC Seguros, Lyberty Seguros, Porto Seguro e Sul América. Contratar o seguro de forma online ainda não é muito comum, portanto sugerimos que você contrate através de um corretor de sua confiança.

No Chile a Carta Verde não é obrigatória, pois este país não é integrante do Mercosul. No entanto a seguradora HDI comercializa sua Carta Verde com cobertura para o Chile. Em nossas viagens geralmente contratamos a carta verde da HDI. Como fazemos o seguro de nosso carro nessa empresa, ao contratar a carta verde também pela HDI o custo fica em torno de R$15,00 pelo período de um ano. Além disso, o seguro convencional de veículos da HDI possui cobertura de casco para o Chile. Assim, contratando a carta verde que inclui o Chile nós acabamos tendo uma cobertura completa de nosso carro neste país.

Dica importante

Sugerimos fortemente levar na viagem, junto a apólice, o boleto e seu respectivo comprovante de pagamento. Devido a ocorrência comum de apólices falsas, os policiais podem pedir também o comprovante de pagamento da apólice ou verificarem o número da mesma online, para assim se certificarem que a sua apólice é válida.

Outra dica é imprimir a apólice em papel verde. Isto não tem nenhuma relação com a validade da apólice, mas há relatos de policiais mal intencionados que usam a cor do papel como pretexto para exigir o pagamento de propina.

Custo e valores das coberturas

Veja abaixo uma referência de preços do seguro (os valores podem variar conforme a seguradora). A escolha do tipo de plano (A ou B) depende da cobertura desejada.

tabela_carta_verde

 

Cuidado com apólices falsas

Sugerimos que o seguro seja adquirido com corretores de sua confiança para reduzir o risco de receber uma apólice falsa. Infelizmente, a falsificação deste seguro tornou-se popular e tem havido muitas pessoas que, tentando encontrar um preço mais barato, acabaram passando por esse problema.

É muito comum encontrar a comercialização desse seguro em regiões de fronteiras com um preço bem abaixo do normal. Corretores desonestos podem gerar a apólice através dos sites da seguradoras e entregar ao viajante, cobrando o valor do mesmo mas não pagando o boleto gerado pela seguradora (que normalmente possui um prazo para pagamento).

Portanto tenha em mente que seguro caro é aquele que na hora que você mais precisa te deixa na mão.

Comentários: durante nossas viagens, este seguro já nos foi solicitado diversas vezes pelos policiais da Argentina e Uruguai.

Uma resposta para “Seguro carta verde”

  1. Boa tarde! estou com muita dificuldade em achar quem faça a carta verde para a Bolivia. Vcs saberiam me informar alguma? Muito obrigado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *