, , , , , ,

Quanto custa viajar de carro pela América do Sul?

 

FullSizeRender (1)

Uma das principais preocupações de quem está planejando uma viagem de carro pela América do Sul são os custos. Levando isso em consideração, resolvemos escrever este post com base nos gastos durante a nossa última viagem que foi realizada em janeiro de 2015.

Claro que os custos de uma viagem são muito relativos, pois depende de vários fatores, especialmente o consumo do carro, tipo de hospedagem, alimentação, época da viagem (baixa ou alta temporada), país a ser visitado, duração, distância, os passeios realizados… Enfim, depende também do perfil dos viajantes. Convenhamos que gastar é muito fácil e uma mesma viagem pode custar valores bem distintos considerando o contraste entre os viajantes mais econômicos e os mais dispendiosos.

Bom, nos arriscamos a escrever sobre o assunto, já que somos do time dos econômicos. Desta forma, os leitores poderão considerar, com base nos nossos custos, que devem disponibilizar no mínimo um valor próximo ao que gastamos para poder realizar uma viagem semelhante.

No entanto, ainda há a possibilidade de ser um pouco mais econômico do que nós. Por exemplo, você pode optar por pernoitar em campings e evitar comer em restaurantes. Nós fazemos, ao menos, uma refeição principal por dia em restaurante.  Além disso existem outros aspectos que pode diminuir, consideravelmente, os custos da aventura.

Por enquanto, o fato de viajarmos com criança ainda não está afetando muito o nosso orçamento, pois eles não comem muito e, na maioria das vezes, conseguimos dividir a nossa comida com eles. Somente em alguns locais e situações compramos comida extra. Na maioria dos lugares em que pernoitamos, não cobram a hospedagem das crianças.

Contudo vale considerar o seguinte: este post serve somente para uma referência do quanto pode custar uma viagem no estilo das nossas. A sua viagem pode custar um valor bem diferente, especialmente se optares por restaurantes e hospedagens mais requintadas, o que realmente não faz o nosso perfil. O contrário também é verdadeiro, se você optar por campings e fazer somente lanches rápidos e evitar restaurantes a maior parte do tempo, provavelmente você irá gastar um valor bem menor.

Neste post vamos abordar os itens mais importantes e indispensáveis durante uma viagem de carro. Confira a seguir.

Documentação obrigatória

Permissão Internacional para dirigir (PID): R$40,00 (estamos informando este valor somente como referência, pois não iremos contabilizar nos gastos desta viagem, uma vez que nós já tínhamos este documento).

Seguro Carta Verde: R$251,90 (carta verde para 36 dias de viagem). Se o tempo de sua viagem for menor ou maior, consequentemente irás pagar menos ou mais pelo seguro.

Extensão de Perímetro: R$60,53 (no nosso caso válido somente para o Chile). Este valor foi baixo porque o seguro anual de nosso carro custa apenas R$600,00 e a extensão custa 10% deste valor (no caso da seguradora Mapfre).

Soapex (Seguro obrigatório para veículos de placa estrangeira): R$27,38 (válido para o Chile por 30 dias).

SOAT (Seguro Obrigatório de Acidentes de Trânsito): R$43,86 (Seguro obrigatório no Peru válido por 30 dias).

Para mais informações sobre documentos e itens obrigatórios em viagens de carro clique aqui.

Total: R$383,67 (sem considerar o custo da PID)

Seguro viagem

Seguro viagem: US$286,20 (R$748,21 – levando em conta a cotação do dólar na época da viagem). Neste item consideramos o seguro família da World Nomads para 35 dias de viagem e levado em conta a utilização de um código que fornecia 10% de desconto na apólice).

O seguro viagem não é obrigatório. No entanto, estamos cada vez mais convencidos da sua importância na realização de viagens de qualquer tipo e com a utilização de qualquer meio de transporte.

Estás planejando a sua próxima viagem?

Aproveite e contrate o seu seguro viagem da World Nomads  por meio dos links do nosso site. Você não paga nada a mais pelo seu seguro e, de quebra, colabora com a manutenção do nosso site. Toda a vez que você contrata o seguro por meio dos links dispostos em nosso blog recebemos 10% de comissão. Colabore conosco! 🙂

WorldNomads Logo

 Para mais informações sobre Seguro Viagem para viagens de carro clique aqui.

Total: R$748,21

Combustível

Confira abaixo os valores gastos (por país) com combustível.

Brasil: R$384,70 – 116,15l de gasolina – 2 dias

Argentina: R$1113,88  – 274,84l de gasolina – 6 dias – Média diária: R$185,65

Bolívia: R$235,25 – 96,01l de gasolina – 8 dias – Média diária: R$29,41

Peru: R$499,21 – 196,9l de gasolina – 13 dias – Média diária: R$38,40

Chile: R$410,41- 163,4l de gasolina – 6 dias – Média diária: R$68,40

Total: R$2643,45

Média diária geral: R$75,53

Considerar que, dos 35 dias de viagem, não utilizamos o carro durante 11 dias em função dos passeios realizados e nos deslocamos a pé ou por meio de taxi.

Neste item é importante levar em consideração o consumo do carro. O nosso carro fez uma média de consumo em torno de 13Km/l. Usamos cerca de 847,3l de combustível e pagamos, em média, R$3,12 o litro.

Para mais informações sobre combustíveis clique aqui.

Para mais informações o sobre os preços dos combustíveis na Argentina, Chile, Peru, Bolívia e Uruguai clique aqui.

Alimentação

Confira abaixo os valores gastos (por país) com alimentação.

Brasil: R$206,50 – 2 dias (este valor inclui o “rancho” que levamos para viagem)

Argentina: R$332,77 – 6 dias – Média diária: R$55,46

Bolívia: R$235,25 – 8 dias – Média diária: R$48,27

Peru: R$599,71 – 13 dias – Média diária: R$46,13

Chile: R$391,60 – 6 dias – Média diária: R$65,27

Total: R$1916,77

Média diária geral: R$54,76

Neste item deve-se levar em consideração que não fazemos todas as refeições em restaurante. Nós comprávamos comida pronta, fazíamos lanches e cozinhávamos sempre que era possível. Levamos um “rancho” de casa com biscoitos, barras de cereais, achololatados prontos, água mineral e refrigerantes. Também costumamos comprar frutas para comer como lanche durante as viagens.

Hospedagem

Confira abaixo os valores gastos (por país) com hospedagem.

Brasil: R$0,00

Argentina: R$782,77 – 6 dias – Média diária: R$130,46

Bolívia: R$921,84 – 8 dias – Média diária: R$115,23

Peru: R$919,30 – 11 dias – Média diária: R$83,57

Chile: R$860,04 – 5 dias – Média diária: R$172,00

Total: R$3483,94

Média diária geral: R$116,13

Neste item deve-se levar em consideração que ficamos hospedados em lugares de mais baixo custo, como hotéis mais simples e albergues (hostel).

No cálculo da média consideramos apenas 30 dias de viagem, pois a hospedagem de quatro pernoites foi cortesia e a última noite dormimos em nossa casa! 🙂

Para ver as nossas indicações de hospedagens clique aqui.

Vai viajar e necessita reservar hospedagem?

Clique no banner abaixo e faça a sua reserva pelo Booking. Efetuando as suas reservas pelo nosso blog você não paga nada a mais pela sua hospedagem e de quebra colabora com a manutenção do nosso site. Toda a vez que você faz uma reserva pelos links do nosso blog recebemos um pequeno percentual comissional. Colabore conosco! 🙂

Passeios

Confira abaixo os valores gastos (por país) com passeios e tours.

Brasil: R$0,00

Argentina: R$0,00

Bolívia: R$188,89

Peru: R$1802,86

Chile: R$21,11

Total: R$2012,86

Não realizamos nenhum passeio pago na Argentina e Brasil.

O Peru é realmente muito caro devido a visita a Machu Picchu e aos sítios arqueológicos em Cusco. O custo da alimentação e hospedagem é barato. No entanto, os atrativos turísticos são muito caros.

No Chile este valor foi referente a um dia na praia onde alugamos cadeiras e guarda-sol.

Pedágios

Brasil: R$0,00

Argentina: R$66,88 – Média: R$5,14

Bolívia: R$34,87 – Média: R$3,17

Peru: R$70,09 – Média: R$5,39

Chile: R$36,31 – Média: R$7,26

Total: R$208,14

Travessia (balsa)

Bolívia: R$15,33 (em Copacabana)

Total: R$15,33

Diversos

Brasil: R$0,00

Argentina: R$4,92

Bolívia: R$81,61

Peru: R$59,21

Chile: R$0,00

Total: R$145,74

Neste item entra todas as outras coisas importantes, mas que não se encaixam nas demais categorias de gastos com a viagem. Consideramos aqui taxi, troca de óleo, lavanderia, etc.

Considerando todos as despesas citadas acima, gastamos em nossa viagem cerca de R$10809,90

A média de gasto diário geral foi R$309,00.

Informações importantes a considerar:

Dias que ficamos em cada país:

Brasil: 2 dias

Argentina: 6 dias

Bolívia: 8 dias

Peru: 13 dias

Chile: 6 dias

Total: 35 dias

Cotação das moedas em janeiro de 2015

Pesos argentinos – divide por 3,25

Pesos chilenos – divide por 236,85

Bolivianos – divide por 2,61

Novos soles – divide por 1,14

Dólar – multiplica por 2,60

Para saber mais dicas sobre dinheiro e saques em caixas no exterior clique aqui.

Vai viajar para a Argentina? Confira a nossa dica para realizar câmbio e economizar neste país clicando aqui.

Encontre o Viajando de Carro nas redes sociais.

Curta a Fanpage do Viajando de Carro no Facebook e acompanhe as notícias sobre todas as viagens que realizamos de carro.

Nos siga no Instagram @blogviajandodecarro e curta as fotografias que tiramos durante as nossas viagens.

Veja as nossas fotografias no Flickr.

Nos acompanhe no Twiter: @viajedecarro.

,

Seguro Viagem – a nossa indicação para viagens de carro

quem_somos2

Seguro Viagem – essencial para conferir tranquilidade durante a sua viagem

Atualmente estamos “viajando” na nossa próxima viagem, ou seja, planejando nosso roteiro, pesquisando hospedagens, organizando os documentos, adquirindo alguns equipamentos, entre outros preparativos necessários.

Além disso, para nossa próxima viagem, estamos tendo a preocupação de contratar um seguro viagem. Acreditamos que ninguém tenha dúvidas sobre a importância de se contratar um seguro para viajar. Entre nossos leitores, isso foi constatado na pesquisa que realizamos no blog, onde cerca de 95% contrata ou ao menos considera importante a contratação de um seguro.

Em nossas viagens anteriores nunca contratamos um seguro viagem. Desta forma, o que podemos concluir, é que tivemos muita sorte, pois nunca tivemos nenhum problema. No entanto, esse é um risco que não queremos correr mais, especialmente por estarmos viajando com os nossos filhos. Durante as viagens podemos adoecer, sofrer algum tipo de acidente ou até mesmo precisar de hospitalização.

Sabemos que é um assunto muito chato, mas é uma parte muito importante do planejamento, pois qualquer imprevisto pode se configurar em muita dor de cabeça. Além disso, pode estourar o orçamento devido as despesas extras não contabilizadas se algo ocorrer durante a viagem e estivermos sem nenhuma cobertura. Não há dúvidas de que é melhor contratar o seguro viagem e não precisar dele do que, durante um imprevisto, precisar e não poder contar com nenhum tipo de auxílio.

Ao realizarmos nossa pesquisa sobre seguro, vimos relato de viajantes que necessitaram passar por cirurgia de apendicite, por exemplo, um incidente totalmente imprevisível além, de muitas outras situações onde o seguro precisou ser acionado. Mesmo que os viajantes sejam saudáveis e estejam com as vacinas em dia, não estão livres de imprevistos. Durante as viagens pode ocorrer desde um braço quebrado até algo mais grave. Desta forma, o que não vale é viajar desprotegido!

Para a escolha da melhor opção de seguro viagem fizemos uma pesquisa, pois além de contratar para o nosso próprio uso também temos o interesse de indicá-lo para os nossos leitores. Desta forma optamos pelo seguro viagem da World Nomads e fizemos uma parceria com a empresa nos cadastrando no programa de afiliados. Deste modo, toda a vez que algum dos nossos leitores contrata o seguro por meio do nosso blog, nós ganhamos um percentual comissional. Não há aumento no valor do seguro para o leitor que faz o contrato pelo blog e dê quebra nós ganhamos uma comissão. Se você estiver interessado, não deixe de dar uma forcinha para o nosso blog!

Faça uma cotação agora mesmo! É simples e rápido, basta inserir os seus dados na caixa abaixo em poucos segundos será disponibilizada a cotação do seu seguro viagem.

 

Por que optamos pela World Nomads?

– A World Nomads é uma empresa australiana que tem cobertura em mais 150 países, ou seja, cobre boa parte do mundo.

– A World Nomads é um empresa recomendada pela Lonely Planet e pela National Geographic, o que nos dá uma certa tranquilidade para contratar e indicar a empresa. Além disso, faz parte da Bupa IHI que é uma empresa líder mundial em seguros de saúde internacionais.

– Consideramos que a World Nomads tem um excelente custo-benefício, pois oferece uma das mais altas coberturas e até mesmo uma opção de cobertura ilimitada e os valores cobrados são, geralmente, os mais baixos do mercado. Este quesito é muito importante ao avaliar os seguros viagem do mercado. Não se preocupe somente com o valor do seguro, leve em consideração a cobertura e a qualidade da assistência prestada.

– A contratação é realizada de forma simples e rápida e o processo é totalmente online, sendo possível contratar o seguro, extender o período e fazer reivindicações. Além disso, o seguro pode ser contratado mesmo após o início de sua viagem, no entanto não é muito recomendado. O ideal é sair de casa protegido!

– Uma das principais características para os viajantes de carro é que a World Nomads cobre as viagens que são realizadas desta forma. Neste quesito, muitas outras seguradoras cobrem somente viagens aéreas e marítimas. Ponto muito positivo para nós e nossos leitores, já que 88% viajam, preferencialmente, de carro.

– Nunca utilizamos o serviço, mas na pesquisa que realizamos não identificamos problemas na assistência e inclusive constatamos que há muitos relatos positivos e indicação como uma das melhores assistências a saúde em viagens. Além disso, cobre outros imprevistos, tais como: emergência odontológica, os medicamentos utilizados em emergências médicas ou odontológicas, extravio de bagagem, cancelamento ou interrupção da viagem, entre outros. E ainda, há uma opção de cobertura para quem pratica esportes radicais. Aconselhamos que seja observado o que cada um dos planos, Standard e Explorer, oferece para averiguar qual atende melhor as suas necessidades. Da mesma forma, após a efetivação do contrato, esteja a par de todos os itens que o plano escolhido cobre, pois há alguns que podem, inclusive, passar desapercebidos se o contratante não estiver bem informado sobre a cobertura do mesmo deixando de usufruir em caso de necessidade.

– Ao necessitar contatar a empresa, é possível solicitar atendimento em português na Central de Assistência 24h.

– Para quem viaja com muitos aparelhos eletrônicos, tais como:  smartphone, notebook, equipamento fotográfico a World Nomads oferece um seguro, a parte, para este tipo de equipamento por um valor muito acessível garantindo a tranquilidade dos viajantes. Em breve um post com mais detalhes sobre como segurar os aparelhos eletrônicos.

No entanto, há alguns aspectos que podem ser considerados negativos

– A World Nomads cobra o valor de US$100,00 por cada emergência médica solicitada, exceto para o transporte de emergência médica, despesas de evacuação e repatriamento. No entanto, é previsto no contrato. Esta franquia tem o objetivo de inibir o uso compulsório do seguro, ou seja, fazer com que o contratante acione o seguro somente em caso de real necessidade!

– O site da empresa é em inglês e, consequentemente, a contratação do seguro também. No entanto, é feita de forma online de qualquer lugar do mundo sendo um processo simples e rápido. Além disso, o primeiro atendimento da Central de Assistência 24h é em inglês, mas é possível solicitar atendimento em português posteriormente.

Vai viajar com a família? Economize ao contratar o seu seguro!

A World Nomads possui três planos de seguros, de acordo com a quantidade de viajantes, single, couple e family.

Sigle: seguro viagem para viajantes solitários.

Couple: seguro viagem para uma dupla de pessoas, não necessariamente casais. Pode ser para amigos, pai ou mãe em companhia de um filho, etc.

Family: seguro viagem para um casal (com idade inferior a 66 anos) em companhia de até três filhos (com idade inferior a 18 anos). O casal que acompanha os filhos, não precisa ser necessariamente pai e mãe. Somente um dos responsáveis pelos filhos (pai ou mãe) deve estar junto o outro adulto pode ser uma pessoa qualquer, um amigo ou parente desde que tenha até 66 anos.

A modalidade de seguro family propicia que você tenha um bom desconto ao contratar o seguro para uma família.

Confira uma simulação de seguro para uma viagem (plano standard) durante 15 dias pela América do Sul.

Single: US$86,00

Couple: US$170,00

Family: US$212,00

Entre os planos single e couple não há diferença de valores, somente a facilidade e a rapidez de se contratar apenas um seguro válido para duas pessoas.

Levando em consideração o plano family a economia é significativa. Já se observa um valor cobrado menor, mesmo para um casal acompanhado de um único filho. Para famílias maiores a vantagem aumenta. Um casal com três filhos, por exemplo, neste plano pagará o equivalente a US$42,4, ou seja, menos da metade do valor cobrado ao comparar com o plano individual (single) além, da facilidade de contratar um único seguro válido para toda a família.

WorldNomads Logo